PRÓ-SELO UNICEF PETROLINA
O mundo inteiro vai ver meu município mais fortalecido e com bons olhos.

Comissão Pró-Selo UNICEF reúne-se com gestores das escolas municipais de Petrolina

“Como os gestores das escolas municipais podem contribuir com a campanha Selo UNICEF Município Aprovado?” Esse foi o desafio lançado no último encontro entre a comissão Pró-Selo de Petrolina e os gestores das escolas públicas municipais, realizado na Biblioteca Municipal Cid Carvalho. Na reunião, foram apresentados aos diretores das unidades escolares os objetivos, missão, planejamento e ações que estão sendo executadas para que Petrolina possa conquistar a premiação. Um ponto crucial da proposta do município é trabalhar de forma conjunta e articulada com foco nos eixos: os impactos sociais, a participação social e um olhar diferenciado para o semiárido.

A Coordenadora Geral da Comissão, Maria Adinair Viana, explicou que os diagnósticos dos municípios são avaliados regularmente pela coordenação geral do selo no UNICEF e devem estar alinhados com os objetivos do milênio. Segundo ela, os avanços ou a falta deles são utilizados como parâmetros para o balanço das ações e possíveis correções até 2012, quando os trabalhos serão concluídos. “Estamos falando das ações no período, mas as iniciativas sociais devem ser permanentes nos municípios”, ressaltou.

Dentre as premissas do documento estão: sobreviver e desenvolver, aprender, participar e crescer sem violência. Essas metas devem ser acompanhadas e tratadas como prioridades absolutas nas políticas públicas, através dos órgãos de controle. Os diagnósticos do UNICEF apresentam as pesquisas feitas nos municípios, apontam deficiências e avanços nas políticas públicas e servem de mapa e referencial para o processo de mudança.

Para Maria Adinair Viana, as equipes envolvidas com o selo não podem perder de vista os indicadores sociais. “É preciso estar atento à gestão de políticas públicas, aos impactos sociais. No caso das unidades escolares, ao percentual de escolas que ultrapassaram os indicadores do IDEB”, destacou. Os gestores foram orientados sobre a importância dos Conselhos (neste caso, os de educação) no papel de fiscalizar e controlar as ações para a melhoria dos índices educacionais. Foram também orientados sobre o trabalho, preparação de roteiros temáticos pedagógicos, formação de grupos de estudo, estímulo à participação das famílias dos alunos, comunidade nas discussões e mobilizações pelo Pró-Selo.

Conteúdo pedagógico e esportes Uma das coordenadoras setoriais do documento, Luzimar Amariz, salientou que no que concerne à educação, é fundamental definir tarefas, propor um planejamento didático que possa delegar responsabilidades nas escolas, mas também envolver os pais e a comunidade nas discussões e nas mobilizações. “As mobilizações podem começar na própria escola, mas é necessário também registrar as ações, valorizar o conteúdo pedagógico em consonância com os objetivos do Selo e valorizar os resultados”, declarou.

Outra sugestão, apontada com significativo potencial para as atividades Pró-Selo na educação, foi a inclusão do esporte como agente de mobilização. Segundo o professor de Educação Física, Márcio William Araújo, o esporte é também fator de compartilhamento e cooperação e pode contribuir com a mobilização. Ele citou a realização do evento: 1º Circuito Esportivo, realizado em abril deste ano no bairro Jardim São Paulo, paralelo ao evento ‘Petrolina Participativa’ no bairro que, de acordo com sua opinião, foi muito bem recebido pela comunidade local. “Foi uma ação bem sucedida nesta perspectiva, além de proporcionar bem-estar, as atividades esportivas contribuem para a melhoria da disciplina, cooperação e senso de cidadania”, afirmou. Também ficou decidido nesta reunião o 2º Circuito Esportivo, que será realizado no dia 25 de setembro deste ano em Ponta da Serra, localizada na área rural do município.

Para a articuladora do Pró-Selo UNICEF, Izabel Cristina Gondim Mendonça, as atividades nas escolas são essenciais para a conquista dos objetivos. “Essas ações concorrem para o respeito à diversidade e para fortalecer as articulações com a comunidade”, ressaltou. Os gestores presentes no encontro também debateram sobre a importância da comunicação para multiplicar as atividades Pró-Selo. A premissa central é mobilizar os meios de comunicação regionais, solicitando espaços para a divulgação das ações, discussões sobre os temas sociais e sugestões de mudanças.

Texto: J. Menezes (Comissão Pró-Selo)

http://www.petrolina.pe.gov.br/2010/notas.php?id=838
Assessoria de Comunicação Social
Prefeitura Municipal de Petrolina
02/09/2011

Nenhuma resposta to “Comissão Pró-Selo UNICEF reúne-se com gestores das escolas municipais de Petrolina”

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: